Museu Guggenheim

Guggenheim nasceu em Filadélfia em 1861 numa família mineira rica. Depois de se tornar um homem de negócios bem sucedido, começou a coleccionar Arte Moderna a partir de 1926. Em 1930, sob a orientação da artista Hilla von Rebay, comprou 150 peças de arte de Kandinsky, que deram lugar à sua colecção de Arte.

A melhor obra de arte: o edifício

O Museu Guggenheim de Nova Iorque foi inaugurado a 21 de Março de 1959, após 16 anos de esboços, plantas e construção. O arquitecto, Frank Lloyd Wright, foi criticado por ter feito um edifício que iria superar a colecção de Arte no seu interior.

O edifício sofreu uma extensa expansão ao longo das últimas décadas, a última em 2008, quando o edifício foi modificado para o seu 50º aniversário.

Até o novo edifício estar terminado, a colecção do Guggenheim estava localizada na Rua 54 sob o nome do Museu da Pintura Não-Objectiva. Três anos após a morte de Salomão R. Guggenheim em 1949, o Museu foi rebatizado com o nome do seu fundador.

A Fundação Guggenheim também deixou a sua marca em Espanha com a construção do Museu Guggenheim em Bilbao.

A colecção do museu

A colecção do museu aumentou ao longo dos anos e inclui trabalhos de artistas como Marc Chagall, Vasily Kandinsky, Piet Mondrian, Pablo Picasso, Edouard Manet ou Vincent van Gogh.

Devido ao seu espaço limitado e ao intercâmbio de obras de arte entre os outros museus Guggenheim, a exposição muda várias vezes por ano. A melhor maneira de descobrir que exposição está actualmente no Museu é consultar o seu website oficial.

Visitas Guiadas

O Museu Guggenheim oferece visitas guiadas gratuitas em inglês todos os dias às 11h00 e às 13h00 ou pode obter um guia áudio gratuito durante o resto do horário de visita.

A Visita obrigatória

Se apenas para ver um dos edifícios mais influentes do século XX, vale a pena visitar o Museu Guggenheim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *